25 de out de 2011

Alguns relatos sobre o II Enasec - Realizado na Universidade de Passo Fundo



O evento
Nos dias 20, 21 e 22 de outubro aconteceu a segunda edição do ENASEC – ENCONTRO NACIONAL ACADÊMICO DE SECRETARIADO EXECUTIVO, nas dependências da Universidade de Passo Fundo (UPF), na cidade de Passo Fundo – RS. O evento teve como principal objetivo promover o debate acerca da pesquisa e da evolução da profissão de Secretariado Executivo.
Alunos e professores do curso de Secretariado Executivo da Unioeste - Campus Toledo estiveram presentes no evento. Também foram junto com nossa caravana os egressos do nosso curso: Clarice Theobald Sthal e Ricardo Roman, mostrando que somamos quando estamos unidos a profissionais, pesquisadores, acadêmicos e egressos.

SBSEC - Sociedade Brasileira de Secretariado
Um momento histórico para o Secretariado Executivo foi fruto do ENASEC, que na sua primeira edição, que aconteceu em Toledo/PR, teve entre os participantes docentes e pesquisadores, a discussão iniciada e consolidada por uma equipe que organizou e socializou a discussão do estatuto da Sociedade que seria criada. No 2º ENASEC, novamente pesquisadores e docentes de todas as regiões do país, discutiram, amadureceram a proposta e aprovaram a criação da SBSEC, que pretende envolver todos os profissionais que se dediquem ao Secretariado, fortalecendo a pesquisa científica na área.
O Estatuto foi aprovado e assinado por todos os presentes na reunião, que também elegeu a primeira diretoria para a SBSEC, de caráter provisório, para o período de 1 ano, que terá como missão providenciar a formalização legal da Sociedade e organizar as formas de inscrição de membros, possibilitando ainda a primeira assembléia geral dentro do próximo ano para, entre outros assuntos, eleger a nova diretoria.
A Diretoria atual será dirigida pelo seu presidente, professor Erivaldo P. do Nascimento (UFPB) e como vice-presidente a professora Carla Maria Schmidt (UNIOESTE/Campus de Toledo), tendo entre os membros outros professores de instituições brasileiras.Em breve novas notícias sobre a sociedade, com a lista completa de seus membros, serão postadas em todos os veículos relacionados com Secretariado Executivo.
Parabéns ao professor Erivaldo e a professora Carla pela direção da SBSEC, e também à professora Patricia Stafusa Sala Batistti que faz parte do Conselho Fiscal desta Sociedade.

Palestra de abertura
A palestra de abertura do evento foi proferida pela Coordenadora do curso de Secretariado Executivo da Unioeste – Campus Toledo, Fabiana Regina Veloso Bíscoli, abordando a temática: “A pesquisa na evolução da profissão de Secretariado Executivo”.

Artigo premiado
O artigo escrito pelas professoras Carla Maria Scmidt e Ivanete Daga Cielo, juntamente com a egressa do curso Fernanda Cristina Sanches, intitulado “MAPEAMENTO DAS RELAÇÕES ENTRE UNIVERSIDADES E DOCENTES: UM ESTUDO DE REDES EM CURSOS DE SECRETARIADO EXECUTIVO”, foi premiado em 1º lugar dentre os artigos inscritos no evento.

Agradecimentos
A Coordenação do Curso de Secretariado Executivo da Unioeste - Campus Toledo, parabeniza as professoras Carla e Ivanete e a egressa Fernanda por  mais essa conquista. Agradecemos também aos acadêmicos, egressos e professores e ao Centro Acadêmico do curso que participaram do evento pelo envolvimento e interesse em contribuir para o desenvolvimento da profissão de Secretariado Executivo. Parabenizamos também aos autores dos trabalhos aceitos, apresentados e publicados na ocasião. Ao CASEC - Centro Acadêmico agradecemos pelo estímulo e pela excelente organização da viagem. Aos acadêmicos parabéns pela postura e pelo companheirismo durante toda a viagem.

3º ENASEC
Durante a reunião realizada no dia 21/10/2011, definiu-se que através da parceria UFPE e UFPB, será realiado o 3º ENASEC na cidade de João Pessoa na Paraíba. Esperamos contagiar nossos acadêmicos, professores e egressos para que se envolvam cada vez mais com a pesquisa e com a participação de eventos. Assim certamente chegaremos mais rapidamente à evolução da profissão.

Comentário sobre o evento:
A coordenação do curso recebeu uma mensagem da professora Patricia Stafusa Sala Batistti, que expressa o sentimento de todos os participantes do nosso curso no 2º ENASEC. Com sua autorização clocamos o comentário na íntegra:

Estava pensando quando que a vida é boa e de repente me dei conta que a vida é boa QUANDO: - a gente viaja com gente agradável (alunos, professores, egressos (Ricardo, Clarice e Fabíola) e simpatizantes (mãe da Laura))- tem um CA competente organizando tudo e a gente não se preocupa com nada- o Maycon faz a contagem do ônibus e todo mundo está lá- a gente chega são e salvo da viagem- o Marcos e seu grupo cantam (repertório de 999.999 músicas)- a Clarice e a Carla dão aquela gargalhada gostosa- o café da manhã é bom- a companheira de quarto é 10 em todos os sentidos. Vou sentir saudades prof. Vania- podemos assistir a manifestações culturais tão bacanas: o Coral da UPF e a Dança Gauchesca- o professor Marcio encontra uma pizzaria no meio do nada quando todo mundo estava desmaiando de fome- participamos de um momento histórico na nossa área: Foi fundada a Sociedade Brasileira de Secretariado (SBSEC) e a nossa Prof. Carla é a vice-presidenta. Ela é vice é do prof. Dr. Erivaldo da UFPB (bolsista de produtividade do CNPq)-a Unioeste é citada como referência pelas outras universidades-nossa Coordenadora Fabiana faz a abertura do Evento, enchendo de orgulho nossos alunos ali presentes. Falando em orgulho, a Unioeste é premiada com o MELHOR artigo do Evento. PARABÉNS AS AUTORAS: CARLA, IVANETE e FERNANDA! Enfim, a gente é feliz quando é respeitado, reconhecido e vê a vida com olhos positivos. Assim, com perspectiva positiva vamos ocupar muitos lugares no vôo para João Pessoa-PB em 2013 - sede do 3º Enasec. 
Prof. Patrícia

23 de out de 2011

Extensão: Secretariado Executivo - Preparando para o primeiro emprego.

Fonte: Secretariado Executivo Unioeste.


--

Início do projeto:
O curso de Secretariado Executivo da Unioeste, Campus Toledo, iniciou semana passada (24/09) o projeto de extensão que beneficia duas entidades carentes do município. O projeto é intitulado “Secretariado Executivo – Preparando para o 1º Emprego” e atinge crianças de 14 a 17 anos das entidades Casa de Maria e Dorcas (unidade da Vila Pioneira). Grande parte dos jovens que residem nestas localidades é procedente de família de baixa renda e tem poucas oportunidades de se capacitar. 

Oficinas:
O projeto consiste na aplicação de um curso com oito oficinas ministradas aos sábados, pelos participantes do projeto (23 acadêmicos e 4 professores do curso de Secretariado Executivo). Os temas das oficinas abordam: atendimento ao público, rotinas secretariais, entrevista e currículo, postura e ética profissional, redação empresarial, informática básica, matemática básica e funções administrativas. 

Objetivos do projeto:
O objetivo principal do projeto é a qualificação dos adolescentes que estão em busca da inserção no mercado de trabalho, além de possibilitar aos acadêmicos de Secretariado Executivo a experiência do contato com a sala de aula para preparar conteúdos e desenvolver a capacidade de atuar como instrutor, promovendo também a sua atuação em atividades de extensão e a sua percepção da realidade social.

Outro objetivo do projeto também é realizar uma pesquisa para investigar os critérios de seleção, identificando as maiores dificuldades que o empresário percebe por parte dos profissionais contratados para o primeiro emprego, sejam elas comportamentais ou habilidades para o desenvolvimento das rotinas de trabalho, com indicativos de conteúdos abordados na grade curricular do curso de graduação em Secretariado Executivo.
          
Informações:
Coordenação do curso de Secretariado Executivo:
Telefone: (45) 3379-7049





18 de out de 2011

Saiba as competências que as empresas esperam dos profissionais aos 20, 30 e 40


Flexibilidade, disciplina, energia, vontade de aprender estão entre as características mais valorizadas nos profissionais de 20 anos


--
Já é de domínio da maior parte das pessoas que, atualmente, as competências e o comportamento dos trabalhadores são mais importantes para as empresas do que os conhecimentos técnicos adquiridos.
Contudo, de acordo com a gerente técnica da Ricardo Xavier Recursos Humanos, Pérola Lucente, as expectativas das empresas mudam conforme a idade do profissional. Assim, veja abaixo o que é esperado de quem tem 20, 30, ou mais de 40 anos.

Fonte da Imagem: Manager Online Empregos.

20 anos
Segundo Pérola, as empresas tendem a ser mais tolerantes com quem está iniciando a carreira, sobretudo no que diz respeito à ansiedade e impulsividade. Apesar disso, alerta, atitudes como falta de cordialidade e impaciência exacerbada não são bem vistas nas corporações.

Dentre os requisitos esperados destes jovens profissionais, a gerente destaca a flexibilidade, disciplina, energia, vontade de aprender, além da criatividade.
“Nesta fase, espera-se que o profissional saiba, por exemplo, trabalhar em equipe e que tenha boa formação, não só cultural, como educacional”, adverte.

30 anos
Quando o profissional chega na casa dos 30 anos, as empresas esperam que possam atuar no operacional, mas que também tenham equilíbrio e bom senso para a gestão.

Aqui, liderança, intermediação de conflitos, persuasão e iniciativa são características apreciadas, sendo que este é um bom momento para o profissional reforçar a formação acadêmica, cursando uma pós-graduação ou um MBA.
“A pessoa tem que saber dosar a pressão, visto que, provavelmente, ela estará ocupando cargos de média chefia. Além disso, é importante ter mais energia, responsabilidade, foco em resultado e equilíbrio”, explica Pérola.

40 anos
Por fim, dos profissionais com 40 anos ou mais, explica a especialista, as companhias esperam maior controle emocional, não havendo mais decisões por impulso, por exemplo.

Boa visão de negócios, de planejamento, liderança consolidada e desenvolvimento de pessoas são outros atributos desejados, sendo que aos 40 anos ou mais os profissionais não devem ser agressivos, nem autoritários.

“Um profissional maduro deve abandonar as questões operacionais e atuar de forma estratégica, funcionando como um porto seguro para a equipe”, finaliza Pérola.