22 de dez de 2010

Oi ?? Já saiu o resultado do vestibular 2011 da Unioeste viu !!

É pessoas, já saiu o resultado do Concurso Vestibular 2011 da Unioeste!!

Isso mesmo. E como eu me lembrei desse detalhe agora resolvi colocar aqui a listagem dos candidatos aprovados para o curso de Secretariado Executivo da Unioeste - Campus de Toledo para que nossos alunos e professores já possam ir se habituando aos novos nomes de pessoinhas que comporão as cadeiras da universidade pelos próximos (espero) 4 anos.

Pois bem, antes de mais nada: Calouros, sejam Bem Vindos!! Parabéns pela conquista da vaga em uma instituição pública e de reconhecida qualidade. Agora que entraram é que começa o desafio, porque como muitos dizem: "Entrar na universidade é a parte fácil... O difícl é sair dela !"

Então abaixo a listinha com os classificados no limite de vagas. Os demais candidatos, que permanecem aguardando chamadas remanescentes, podem conferir seus nomes (ou serem conferidos) no site do vestibular.


CANDIDATOS CLASSIFICADOS COMO COTISTAS

1 - VANESSA BEZERRA
2 - LUCIMARA SALVALAGIO
3 - ALINE ELOISE HEMKEMEIER
4 - NADIESKA CASARA DOS ANJOS
5 - LUANA CAROLINI BUTZEN
6 - ALINE KERBER DA SILVA
7 - MICHELI SIMONE LOHMANN
8 - ROSANE FERREIRA
9 - THAIS SAMARA MILANI
10 - ELIANE DA ROSA TRESSI
11 - CLAUDIA CARLA SANTOS
12 - ALAN RODRIGO DAMIANI FÁVARO
13 - MARCIO AUGUSTO MEDEIROS
14 - GÉSSICA DAIANA QUIOSI
15 - BRUNA MAIARA RIBEIRO
16 - DEISE ADRIANE DOS SANTOS

--
DEMAIS CANDIDATOS


1 - JULIANA GUEIROS FUZATI RODRIGUES
2 - JAQUELINE CAROLINA SANTANA
3 - ESTHER MELLISSA SERRADOURADA WUTZKE
4 - MARJORIE WEFORT BUENO
5 - GABRIELA BONASSA
6 - SUÉLEN NARIEL DE ALMEIDA PIRAN
7 - KEILA CRISTINA DE OLIVEIRA
8 - WILLYAN JORGETTO GUSTMAM
9 - GEORGEA KATHERINE PAZUCH
10 - ANA PAULA HEINRICH
11 - NAXIDELE LUANA NERLING DA ROSA
12 - HEULA RUBEL MARIUSSI
13 - ALEX RODRIGUES LIMA
14 - LEDA AIARA CARDOSO
15 - LAURA REFOSCO RAMOS
16 - GRACIELE STOLARSKI
17 - KARINE DANIELLE GUIMARÃES
18 - LUANA THIELE
19 - JOCELAINE OLIVEIRA MOTTA
20 - ANDERLÉIA BURAKI FONGARO
21 - ALINE FLEMMING MOLINA
22 - ANA PAULA DE OLIVEIRA
23 - PATRICIA DE SOUZA DONATO
24 - DAHIANE LOCATELLI DE SOUSA
--

Aproveitem com o máximo de sabedoria e responsabilidade, e logo logo nos encontramos no mercado de trabalho.

Abraços

Especialistas apontam áreas de trabalho mais promissoras em 2011

Setores ligados ao desenvolvimento do país devem ser beneficiados.
Economia aquecida e preparação para Copa 'puxam' profissionais.

Por Gabriela Gasparin

Do G1, em São Paulo

O ano de 2011 deverá ser mais promissor para setores ligados diretamente ao desenvolvimento do país, segundo especialistas em mercado de trabalho ouvidos pelo G1. O bom desempenho da economia brasileira aumenta a demanda por mão de obra qualificada para áreas como infraestrutura, energia, telecomunicações, tecnologia e óleo e gás.

Além dos segmentos diretamente relacionados ao crescimento econômico, os especialistas lembram também a tendência de forte alta na área de bem estar social, o que envolve desde sustentabilidade e meio ambiente até saúde e estética.


ÁREAS PROMISSORAS PARA 2011

Área comercial e internet

“A área sofreu muito na crise econômica, já que muitas empresas cortaram os profissionais porque as vendas diminuíram”, diz Renato Grinberg, diretor da Trabalhando.com.br. De acordo com o especialista, com o crescimento econômico, as empresas voltam a precisar desses profissionais. Para Alexia Franco, líder da operação da Hays no Rio de Janeiro, empresa da área de recrutamento, o segmento de vendas pela internet deve se destacar pelo crescimento das operações. “São necessários profissionais que saibam atuar no desenvolvimento de parcerias de negócios na internet, com expertise na área”, afirma.


Tecnologia da Informação (TI) e comunicação

Os perfis dos profissionais do setor estão cada vez mais complexos e as empresas precisam de pessoal com qualificações e conhecimentos em plataformas específicas. Além disso, a previsão é que os investimentos em redes sociais continuem a crescer, o que demanda especialistas na área, segundo Selma Morandi, diretora do Grupo Foco, empresa do setor de recursos humanos. “Tudo o que se fala em termos de desenvolvimento impacta na área de tecnologia”, lembra Alexia Franco, líder da operação da Hays. Para o diretor de graduação do Centro Universitário Senac, Eduardo Ehlers, a área de TI cada vez mais se aproxima da comunicação. “Há um crescimento no setor de produção multimídia como um todo”, afirma. Ele destaca, ainda, o segmento de jogos digitais.


Telecomunicações

O setor de telecomunicações necessita cada vez mais de especialistas em tecnologias como transferências de dados, 3G e Rede IP, cabos, entre outras, diz Alexia Franco, da Hays. Quanto mais cresce o número de usuários de celulares, por exemplo, aumenta a demanda nas redes de telecomunicações e de telefonia celular. “É preciso de profissionais como engenheiros e analistas de telecomunicações para a elaboração de projetos e até mesmo monitoramento e atuação nessas redes", aponta o consultor da Alliance Coaching, Silvio Celestino.


Varejo e consumo

O crescimento econômico estimula a contratação de profissionais em diversas áreas do varejo, como alimentos, bebidas, cosméticos, roupas e supermercados, entre outros. A demanda é por trabalhadores de vários níveis, desde iniciantes a diretores, diz Selma Morandi, diretora do Grupo Foco. “O setor não caiu durante a crise, mas há uma nova demanda em função do aumento do nível da renda”, diz Alexia Franco, líder da operação da Hays. O crescimento no setor gera, ainda, investimentos em campanhas de publicidade e até em novos empreendimentos


Sustentabilidade, meio ambiente e saúde

Para Selma Morandi, diretora do Grupo Foco, as empresas devem investir cada vez mais em profissionais voltados às áreas ambiental e de sustentabilidade. Nesse caso, a necessidade é por profissionais que acompanham e tenham experiência e especializações no setor. Para o diretor de graduação do Centro Universitário Senac, Eduardo Ehlers, há uma crescente busca pelo bem-estar individual e coletivo. “Cada vez se fala mais sobre ambiente e vida saudável”, disse. Ehlers prevê crescimento também em áreas como estética, turismo e hospitalidade, relacionadas ao bem-estar.


Energia

Eventos como a Copa de 2014 e as Olimpíadas de 2016, além de empresas de fora que pretendem investir no Brasil, demandam profissionais do setor de energia, destaca Selma Morandi, diretora do Grupo Foco. Mas é difícil preencher as vagas. “Falta qualificação nessa área. Os engenheiros ou migraram de área ou foram para o exterior”, diz ela. Alexia Franco, líder da operação da Hays no Rio de Janeiro, lembra, ainda, que o crescimento do pais depende do setor da energia, o que torna o setor permanentemente promissor.


Construção civil

O setor também deverá se beneficiar com a Copa de 2014 e as Olimpíadas de 2016, diz Selma Morandi, diretora do Grupo Foco. Além de programas como o “Minha Casa, Minha Vida”, do governo federal, e o crescimento do setor imobiliário no país aumentam a procura por profissionais especializados. “Falta desde mão de obra básica até analistas financeiros voltados à área da construção”, diz o consultor da Alliance Coaching, Silvio Celestino. De acordo com o especialista, todos os setores que estão em volta sentem o reflexo, como materiais de construção, imobiliárias e design de interiores.


Óleo e gás

Descobertas de reservas de petróleo no país aquecem o setor e atraem investimentos, diz Alexia Franco, líder da operação da Hays no Rio de Janeiro. “Há empresas que antes tinham apenas representações e agora já querem ter as próprias estruturas no Brasil”, diz. Além disso, o setor de extração de minérios também está aquecido, diz Selma Morandi, do Grupo Foco


Infraestrutura e transporte

Assim como nos setores da energia e da construção civil, eventos como a Copa de 2014 e as Olimpíadas de 2016 também demandam profissionais voltados para infraestrutura. “Até mesmo a área de shoppings centers e estruturas comerciais precisam de especialistas”, afirma Alexia Franco, líder da operação da Hays. O consultor da Alliance Coaching, Silvio Celestino, lembra que o setor de transporte aéreo também deverá se beneficiar.


Setor farmacêutico

De acordo com Alexia Franco, da Hays, laboratórios do exterior buscam trazer investimentos para o Brasil, o que demanda profissionais técnicos e com atuação científica. Segundo ela, a pesquisa e o desenvolvimento, que sempre foram feitos lá fora, pode passam a acontecer no país.


Setor contábil, fiscal e financeiro

Por conta do aquecimento da economia, a demanda por profissionais nas áreas contábil, fiscal e financeira é crescente, diz Renato Grinberg, diretor da Trabalhando.com.br. O setor de fundos de investimentos também está em crescimento, aponta Alexia Franco, da Hays. “Há muitos investidores estrangeiros querendo aplicar em fundos de investimentos no Brasil em função do alto retorno”, afirma. Para o consultor da Alliance Coaching, Silvio Celestino, a demanda por profissionais da área de investimentos será ainda maior se a taxa de juros brasileira continuar a cair. “Passa a ficar desinteressante aplicar na poupança e cresce a demanda por analistas financeiros.”


Recursos humanos

O aquecimento do mercado de trabalho faz com que as empresas busquem profissionais de recursos humanos qualificados para atuar em áreas como as de desenvolvimento, capacitação, treinamento, gestão e retenção. “Durante a crise, o profissional de RH ficou um pouco esquecido”, diz Alexia Franco, da Hays. Para o consultor da Alliance Coaching, Silvio Celestino, há demanda também por profissionais que saibam treinar líderes com origem técnica. “Quando você tem um líder que não foi preparado, ele pode provocar situações constrangedoras com o profissional."


Seguros e segurança

Algumas áreas são favorecidas por disfuncionalidades do Brasil, lembra o consultor da Alliance Coaching, Silvio Celestino, que cita o setor de segurança como em crescimento. Ele lembra, ainda, que o bom desempenho da economia e o aumento da renda fazem com que uma nova camada da população tenha acesso a bens que antes não tinha, como automóveis, exigindo das empresas de seguros adequação para esse público



Candidato deve buscar atender mercado

Na hora de mirar um setor para buscar trabalho, não basta olhar apenas para a tendência de crescimento. Especialistas afirmam que os candidatos devem estar qualificados e preparados para essas vagas. “É preciso estar atento ao mercado e buscar aperfeiçoamento profissional”, afirma Selma Morandi, diretora do Grupo Foco.

Franco, líder da operação da Hays no Rio de Janeiro, afirma, ainda, que cada candidato deve estar atento ao segmento onde atua, pois cada setor tem sua necessidade. A especialista dá a dica para profissionais de áreas técnicas buscarem experiência na elaboração de projetos. “Tudo depende de projetos atualmente. É preciso saber lidar com cronogramas.”

Alexia destaca a importância de adquirir certificações. Um segundo idioma, principalmente o inglês, também é um investimento importante, segundo a especialista. “Muita gente não investe no inglês e fica para trás."

Proatividade

Para Alexia, porém, os candidatos precisam ter proatividade e ir atrás do mercado. “Tem muito profissional passivo. É preciso ler jornal, ver as empresas que estão em alta. Quem busca a carreira é o executivo”, diz

Selma concorda e destaca que o importante é estar sempre atualizado em relação às tendências e não esperar que a oportunidade “caia no colo”. É importante, também, ter autoconhecimento para saber o que gosta de fazer e “ir trilhando o caminho”, lembra Alexia.


Fonte: #G1

21 de dez de 2010

Clareza e Objetividade

Quer ser mais preciso ?

Por ABRAHAM SHAPIRO

Como ser objetivo? Esta pergunta pode ser decisiva na sua liderança. Clareza é o que todos esperam de um líder. Afinal, o que é um líder senão “aquele que orienta, inspira, direciona e mostra o norte”?

Clareza e objetividade não são apenas o alicerce da liderança, mas aquilo em que ela consiste em si mesma. Sem objetividade e lucidez como os seguidores saberão para onde ir, como ir, quando ir, etc?

A imprecisão é a inimiga número um da objetividade. E é muito fácil ser impreciso achando que está sendo claro.

Preste atenção. Uma informação como: “A ponte é estreita” não comunica a mesma ideia que: “A ponte mede 75 cm de largura”.

“O prédio é alto” é uma informação que não tem dimensão alguma se comparada com “O prédio tem 32 andares”.

A regra é: evite adjetivos imprecisos, pois eles geralmente produzem interpretações subjetivas.

Ótimo. Vamos evoluir um pouco mais.

Quando a situação que você descreve envolve um número não suficiente para que a pessoa compreenda de modo objetivo, use um termo de comparação capaz de comunicar a noção que possa ser mais bem visualizada por ela. Por exemplo: “A praça tem 36.500 m2, o equivalente à área de quatro campos de futebol”.

Assim, também, quando for impossível apurar exatamente um número ou quantidade, o melhor é oferecer uma estimativa aproximada, por exemplo: “cerca de 80 cm”, “quase 150 m”, “pouco mais de 90 kg".

Objetividade é aquilo que resulta de observação imparcial,  independente da preferência individual.

Quanto mais voltas, piruetas e cambalhotas você der na hora de se expressar, mais acrobacias o cérebro do seu ouvinte ou leitor terá de fazer para entender. E não se esqueça: o que você busca ao se comunicar é ser claro e objetivo. Não há outro modo de você ser completamente entendido.
______________________

Abraham Shapiro é consultor e coach de líderes. Sua filosofia de trabalho, em uma só palavra, é: simplicidade. Contatos: shapiro@shapiro.com.br ou (43) 8814 1473

11 de dez de 2010

Final de Ano no SE

2010 iniciou-se como sempre no curso de SE: alunos novos animadíssimos com o ingresso na faculdade; alunos querendo revolucionar o mundo (ou pelo menos seus grupos de colegas mais próximos); alunos fazendo o papel 'Super-Intelectuais'; e alunos mais do que cansados, redescobrindo suas forças para conseguir terminar a graduação!

E o ano foi de desenrolando e as atividades desenvolvidas pelos alunos também. 

Foram eventos realizados, palestras, debates e discussões sobre o curso, sobre o futuro da profissão e dos profissionais formados pelo curso de SE.

E os alunos do curso de Secretariado Executivo da Unioeste - Campus de Toledo mais uma vez mostraram que estão preparados para encarar o que o mercado de trabalho lhes reserva. Os eventos realizados foram grandes sucessos, e o I Enasec foi marcado pela união de cursos, profissionais, docentes e acadêmicos de cursos de SE de todo o Brasil... E por que? Porque nossos alunos tem potencial para grandes realizações!! Simples assim.

E com o auxilio dos professores do curso, tudo (ou quase tudo, hehe) se torna mais fácil!

Agora é deixar os formandos deste ano (como disse a querida amiga Fabíola) seguirem seus caminhos e buscarem sucesso em seus empreendimentos, sejam eles de carater pessoal ou profissional.

Aos alunos que permanecem na graduação #FicaDica de que se dediquem ao máximo nas atividades que lhes aparecerem pela frente, pois é dessa forma que vocês poderão aprender ainda mais!!

E como sabemos temos alunos muito bons estudando no curso de SE. E esperamos que a próxima turma que irá iniciar as atividades em 2011 seja tão boa quanto os alunos calouros que temos agora, e se não forem podem ter certeza que alguém os vai ajudar.

Pois é assim que este curso tem conseguido alcançar tantos objetivos: União e Trabalho em Equipe, um ajudando o outro a aprender.

Assim, desejo à todos um bom resto de ano e um novo ano repleto de alegrias e realizações.

ps: e Fabeeee, obrigado pelas palavras e elogios, e vc sabe que tbm é super competente e tem tudo para ser uma ótima profissional, em qualquer área ;D

10 de dez de 2010

Mais uma etapa cumprida, outras iniciam-se


Por Fabiola Luz
O fim de ano sempre é uma data que inspira reflexões sobre a vida. Listas, resoluções, planos e projetos são feitos, pensados e executados quando um novo ano está pra chegar. Isso é bom, muito bom.... planejar a carreira, os estudos, sonhar com seu futuro, isso não é bobagem, não é perda de tempo, mesmo que o plano não saia 100% como o planejado.... seja otimista e feliz com o que você tem, mas não desista de sonhar.... pois o sonho nos inspira a trabalhar mais, estudar mais... para torná-lo realidade.... 
Tudo isso parece clichê, mas pelo menos pra mim, tem funcionado. Então se você estará iniciando algo ou terminando algo com o qual você tem sonhado, planejado e esperado tanto... assuma seu caminho na estrada que escolheu trilhar. Seja o seu sucesso!!!!
Quero aqui dar os meus parabéns aos Formandos 2010 de Secretariado Executivo da Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Campus de Toledo, por mais uma etapa que se encerra e sei que outra se iniciará em 2011.... Fernanda, Rodrigo e Lidiane, vocês são inspiração para os nossos calouros. Aos demais formandos desejo de coração muito sucesso no mercado de trabalho.
Aos veteranos, 1º 2º e 3º anos.... vamos prosseguindo na nossa caminhada rumo ao diploma.... boas férias galera!!!
E daqui a pouco sai o resultado do vestibular, em fevereiro estaremos de braços abertos para receber nossos calouros 2011, pois o show... tem que continuar e nossa profissão só tem a crescer com os jovens brilhantes que fazem dessa universidade.... a melhor.... e desse curso o mais.... competente? secretarial? rsrsrssrs.... sem palavras..... pra quem achava que seria jornalista... descobrir que secretariado tem tudo a ver comigo pode parecer piegas, mas é verdade, pra mim é o melhor curso e a melhor universidade.
E pra finalizar com mais um clichê...... um Feliz Ano novo, cheio de coisas novas, novos desafios e novas vitórias!!!! Parabéns a todos!!!! 

Fabiola Luz é acadêmica do 2º ano de Secretariado Executivo da Unioeste, autora do blog Arte de Secretariar e colaboradora deste blog.